Nanopartículas em EOR

Sinergia entre nanopartículas e surfactantes

Investigação experimental sobre o uso de nanopartículas combinadas com surfactantes para aumentar a estabilização e formação de espuma. As nanopartículas possuem uma alta energia de adsorção da interface, que diminui alguns mecanismos de desestabilização da espuma, aumentando a vida útil da espuma.

Nanotraçadores

É necessário conhecer o desempenho, a interface e o transporte das nanopartículas e sua interação com as diferentes condições do ambiente (pH, salinidade, surfactantes, pressão, temperatura) para poder avaliar seu comportamento e dependência em diferentes cenários. Nanopartículas fluorescentes podem ser usadas como traçadores em estudos de adsorção e transporte em meios porosos.

Nanocarreadores

A literatura descreve a eficiência das nanopartículas na prevenção da perda de surfactante ou mesmo na melhoria do fator de recuperação de óleo. A adsorção de surfactantes pode ser evitada por esses nanofluidos, uma vez que as nanopartículas modificadas podem diminuir a perda de surfactantes, atuando como nanocarreadores, em comparação com o uso apenas de surfactantes.

©2020 Laboratório de Físico-Química de Surfactantes. 

puc-rio-logo_edited.png
logo-QUI-PUCRio-fundo-branco.jpg